Anúncios

O amor talvez seja isso.Encontro de partes que se complementam porque se respeitam. E, no ato de respeitarem, ampliam o mundo um do outro. O recém-chegado não tem o direito de reduzir o mundo de quem se deixou encontrar. O amor não diminui, mas multiplica.

Sempre que alguém chega á nossa vida nunca vem sozinho. Ele traz o seu horizonte de sentido. Pessoas, coisas, valores, idéias. Traz o alicerce que o faz ser o que é.

É assim que podemos intensificar o nosso processo de “ser pessoa”. Á medida que motivamos e somos motivados para o autoconhecimento, tornamo-nos á disposição dos outros.

Não me leve de mim. Leve-me até mim.

Que você chegue com seu dom de também me fazer chegar perto de mim…Pra me fazer ver o que sou e que só você viu. Para eu ser capaz de amar também o que você amou

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: